Pretende-se,neste blog, não só evidenciar a beleza que nos rodeia como, ainda,chamar a atenção para pormenores que, normalmente, passam despercebidos

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Pataniscas Douradas (A Abóbora)

A Abóbora, fruto da aboboreira, Cucurbita spp., planta hortícola, rasteira,  da família das cucurbitáceas, tal como a melancia, o melão, o chuchu (fruto existente nas Ilhas e muito abundante na Ilha da Madeira) e o pepino. Originária da América, era parte substancial da base da alimentação das civilizações Olmeca, que posteriormente foi absorvida pelas civilizações Asteca, Inca e Maia.
A abóbora é rica em vitamina A que também fornece vitaminas do complexo B, cálcio e fósforo, e possui poucas calorias, é de fácil digestão.
O suco extraído das flores é bom para o estômago (estomáquico), sendo também usado, externamente, para dor de ouvido.
As suas folhas e flores pisadas (amassadas, espremidas, socadas - até virar uma pasta) são usadas em fricções para tratar a erisipela, uma inflamação aguda da pele que provoca seu enrubescimento.
As suas sementes, fonte de ferro e fósforo e ricas em potássio, magnésio e zinco,  são vermífugas (contra vermes), mas de efeito lento. Usar as sementes trituradas em forma de suco contra a febre e inflamações das vias urinárias.
A polpa, cozida, actua como emoliente (que alivia as dores de uma superfície interna e irritada). 
A sua flor é utilizada para elaborar deliciosos pratos. Experimentem as "pataniscas com flor de abóbora". Bom apetite.
Brown Eyes
Montanha

4 comentários:

✿ chica disse...

Passei voando, com as asinhas batendo, pra deixar um beijo,chica
E essa flor dá cada prato maravilhoso...

Brown Eyes disse...

Chica Obrigada por estares sempre atenta. Beijinhos

Eva Gonçalves disse...

Já estou a ver que sou mesmo ignorante nestas matérias... pataniscas de flores? :)) Já fui ver a receita, mas acho que até tinha medo de experimentar, rrsss preferia comer num restaurante primeiro... pelos vistos é um prato italiano correntíssimo, rrssss As coisas que nos ensinas!! beijoca

Brown Eyes disse...

Eva as coisas que não sabemos do mundo que nos rodeia. não é? Este prato é muito popular no sul de França mas se procurares no Google há milhares de receitas com esta flor. Escolhi esta porque além de nos dar uma receita dá-nos informação sobre o uso da mesma. É natural que tenhas receio afinal quando se fala de comer algo que não conhecemos recuamos. Recuamos porque sabemos que há muitas plantas venenosas e quem adora viver não arrisca. Mas olha que é um pitéu. Beijinhos